Caixa supera marca de 100 milhões de contas poupanças
05/11/2020 06:35 em Economia

Bancarização foi obrigatória para recebimento de benefícios

Publicado em quarta-feira, 4 Novembro, 2020 - 22:12 Por Victor Ribeiro – Brasília

 

O Brasil superou a marca de 100 milhões de contas poupanças sociais digitais na Caixa Econômica Federal. Elas foram usadas em medidas para amenizar o impacto econômico da pandemia da Covid-19 sobre a população mais vulnerável.

 

Foi nas poupanças digitais que o governo depositou os pagamentos do Auxílio Emergencial, Auxílio Emergencial Extensão, do Saque Emergencial do FGTS e do BEm, Benefício Emergencial de Preservação do Emprego e da Renda.

 

Em uma cerimônia no Palácio do Planalto nessa quarta-feira, o presidente da Caixa, Pedro Guimarães, comemorou a marca.

 

Pedro Guimarães afirmou que essa foi a maior bancarização da história. Ou seja, levou pessoas que nunca tinham usado serviços bancários a abrir uma conta e movimentar dinheiro lá.

 

Desde o começo do pagamento da primeira parcela do auxílio emergencial, no dia 9 de abril, 67,8 milhões de pessoas foram beneficiadas e receberam o total de R$ 242,6 bilhões.

 

A poupança social digital é gratuita, sem tarifa de manutenção, e permite fazer até três transferências mensais sem custo adicional, até o limite de R$ 5 mil por mês.

 

Edição: Sumaia Villela

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!